Como criar uma imagem profissional perfeita como psicólogo!



Nesse artigo, vamos falar sobre o quanto se preocupar com a sua imagem profissional pode ser determinante para o seu sucesso como psicólogo clínico.


A imagem profissional na qual iremos abordar por aqui, nada tem a ver com beleza física, até mesmo por que isso é um parâmetro relativo à percepção individual. Em algum momento da sua vida você certamente já ouviu alguma vez a expressão: "A primeira impressão é a que fica". Nesse caso ela se aplica de uma forma muito consistente, pois na primeira vez que se tem contato com alguém é natural e inato do ser humano criar modelos mentais sobre o que se vê. Isso ocorre devido às experiências de vida de cada ser humano, e assim podemos citar um exemplo a seguir.


Inconscientemente, um adulto, que quando criança tinha medo de pessoas vestindo trajes vermelhos por algum processo traumático vivenciado com alguma pessoa trajada nessa cor, poderá desenvolver na fase adulta certa repulsa por essa cor de vestimenta, mesmo sem lembrar o motivo. Mas o que isso tem a ver com imagem profissional?


É simples de explicar, o ser humano se desenvolve ao longo da vida através de suas vivências, sejam elas positivas e negativas, e assim cria modelos mentais que julga ao observar o outro, baseados em suas próprias experiências, é o chamado "juízo de valor". Por isso, quando falamos em imagem profissional para um psicólogo clínico, é importante cuidarmos muito bem dela, pois ela pode ser determinante para que um paciente continue ou não com você, ou você seja recomendado ou não por colegas de profissão, pacientes ou até mesmo seus amigos.


Logo no primeiro contato, seja ele por telefone, presencial ou online por vídeo chamada, é imprescindível ter essa preocupação. Um dos primeiros pontos que você deve observar é a sua forma de apresentar-se e falar. Mesmo ao telefone, sem contato visual, é possível perceber do outro lado da linha, se a pessoa que está falando com você está sorrindo ou está falando "entre os dentes".


Devemos ter em mente que a premissa básica para a criação de uma boa imagem profissional é ter empatia. Se você não tem, deve criá-la em você. Não ser empático pode lhe prejudicar seriamente, pois a incapacidade de se colocar no lugar do outro pode fazer com que você deixe de lado alguns atos básicos que podem fazer toda a diferença na sua imagem e sucesso profissional.


Pense como o seu paciente. O que ele gostaria de ver? Um psicólogo bem vestido, asseado, com boa apresentação e educado ou um profissional com roupas velhas, com aspecto de mal cuidado, desleixado, e ainda grosseiro e mau humorado?


Ter cuidado com a aparência não é futilidade, é sabedoria! Então use sua aparência a seu favor.


Tenha um diferencial, ofereça algo aos seus pacientes no seu consultório. Sirva um biscoitinho gostoso, um café, chá, água, ou até um bombom. Não pense nisso como um custo, e sim como um investimento no cuidado e na fidelidade do seu paciente.


Cumpra com seus compromissos. Se você marcou com seu paciente um horário, não se atrase, chegue antes dele sempre, jamais o deixe esperando. Faltar a uma sessão e deixar o paciente sem atendimento é inadmissível, a não ser que você tenha um motivo muito grave, e mesmo assim, você deve avisá-lo com o máximo de antecedência possível, explicar o motivo de sua ausência e remarcar a sessão. Você não precisa entrar em detalhes em caso de assuntos pessoais, mas deve dar uma justificativa plausível para ele. Dá mesma forma quando ocorre ao contrário, seu paciente falta a uma consulta, você alugou um espaço e perdeu dinheiro. Jamais demonstre sua insatisfação ou qualquer outro sentimento negativo que sentir ao seu paciente ou poderá colocar todo o tratamento a perder.


O mesmo vale para reuniões agendadas com profissionais de apoio. É muito comum hoje termos contato com profissionais de marketing para psicólogos, agências, plataformas de Psicologia online, vendedores de cursos online, entre outros profissionais que contratamos para facilitar o nosso trabalho. Muitos deles são nossos colegas de profissão, psicólogos, então, faltar a uma reunião sem avisar ou não responder mais ao consultor que lhe envia mensagens, além de ser uma falta de respeito, educação e etiqueta, irá contribuir para uma péssima imagem profissional sua. Se não quer um serviço, seja educado, agradeça pela atenção, sorria e diga que não quer no momento.


Lembre-se que a imagem profissional não pode ser mudada de uma hora para outra, é algo a ser construído, leva tempo para ser edificada, mas saiba também que basta um pequeno deslize seu e sua imagem profissional poderá ir "por água abaixo".


Na verdade, muitas ideias aqui abordadas podem ser adaptadas para diversos cenários e profissões, pois a grande maioria delas lida com pessoas, e essas qualificam você como profissional.


Usem essas dicas no dia a dia de vocês! Sucesso à todos!


#terappia #terapiaonline #imagemprofissional #psicólogo #psicóloga


26 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo