Entendendo a ansiedade

Atualizado: 21 de jul. de 2021


João é casado, tem 70 anos, possui uma vida estável e me procurou com a queixa: "Sinto a boca seca, falta de sono, minhas pernas tremem e meu coração dispara. Até procurei um cardiologista e nada foi encontrado. Estou triste e não quero mais sair de casa." O João achava que estava velho e já se conformava em viver daquele jeito. Sempre muito irritado, não conseguia dormir direito.


Com base nesse relato, podemos pensar em cinco pontos: pensamentos, sentimentos, reações físicas, estado de humor e ambiente. Pensemos então o que acontece com João: cada um destes pontos se tocam entre si. Seu pensamento: “Estou ficando velho” faz com que o seu sentimento de tristeza interfira nas suas reações: “Parei de ligar para os meus amigos”, isso mudou o seu humor, o tornou uma pessoa triste. Como parou de ligar para os seus amigos, também parou com suas atividades rotineiras e sentiu-se mais cansado, não saía de casa e não se encontrava mais com ninguém.


O pensamento muda seu sentimento, reações físicas, humor e o ambiente. Devemos observar as mudanças dos estados de vida / situações novas que modificam os nossos pensamentos, as reações que temos, os comportamentos que repetimos. Como não entendemos bem o que está acontecendo com nossas vidas, o problema normalmente piora. À medida que entendemos nossos problemas, revemos nossas posturas diante do mesmo. Quando mudamos um desses cinco pontos, há uma mudança incrível nos demais pontos. Devemos investigar os pensamentos, sentimentos, reações físicas e os estados de humor. Sempre que temos pensamentos não muitos bons, consequentemente mudamos nosso humor. Observe se o seu humor mudou diante de um fato que aconteceu durante o dia, ou se aconteceu um fato e você teve um pensamento durante o dia e o seu humor mudou?


Muitas pessoas tem me procurado com sintomas de ansiedade e depressão e quando me perguntam se a terapia mudará a sua vida, eu respondo que a Terapia Cognitiva Comportamental tem sua base científica e é colaborativa, pois o psicólogo não faz nada sozinho. A vida pode ser comparada a uma árvore frondosa. Nascemos, germinamos, sofremos interferência do meio com chuvas e tempestades. Com o inverno, as folhas caem e murchamos. Depois, renascem as folhas e flores, e fortalecemos nossas raízes. Tudo que acontece na nossa vida deve ser visto como ponto de partida para mudança de comportamento e sentimento, principalmente quando algo não vai bem.


Karina Santos de Melo

Psicóloga - CRP 05/36352

Instagram: @kasamelo

📱 (22) 99732-3044

Link do perfil: https://www.terappia.com.br/team/detalhe/karina-santos-de-melo


#saudemental #ansiedade #homeoffice #pandemia #autocuidado #psicologia #terapiaonline #psicoterapia #psicologiaclinica #terappia #terappiaonline #somatização #saúdemental #psicólogo #blog #blogdoterappeuta #psicologo #terappeuta #psique #psicologico #comportamentohumano #comportamento #aplicativos #psicoterapeuta #tratamento #psicologiaclinica #psico #psicologiaporamor #pandemia #covid19 #pandemiacovid19 #tcc #teoriacognitivocomportamental #terapiacognitivocomportamental


30 visualizações1 comentário

Posts recentes

Ver tudo