O que falar na primeira sessão de terapia?


Você vem pensando em iniciar terapia, mas esse pensamento passa pela sua cabeça quando você imagina como serão as sessões? Gostaria de dar uma noticia boa: quando você passa a considerar a possibilidade de procurar um profissional, seu processo terapêutico já começou, pois o primeiro passo é entender que existe uma situação que está causando sofrimento e que você não conseguiu resolver com os recursos que tem (buscar conselhos de amigos e familiares, orientação religiosa, buscar na internet, ler sobre o assunto ou algum outro caminho que funcionou em outros momentos).

Isso quer dizer que você sabe muito bem sobre o que precisa falar, mas pode sentir que terá dificuldade em encontrar um profissional com quem se identifique. Minha sugestão é que você busque referências de pacientes anteriores, como os depoimentos disponíveis aqui no Terappia e após uma avaliação do perfil agende e vá ao atendimento aberto para conhecer o profissional. Algumas pessoas agendam e desistem, e é importante ressaltar aqui que você não está desistindo do profissional, mas do seu próprio processo terapêutico, por isso, reúna sua coragem e compareça ao atendimento ainda que não saiba o que dizer, pois o profissional te ajudará com isso.

Mesmo assim você gostaria de ir preparada? Então você pode recorrer a escrita, pense sobre o que está sentindo e faça uma listinha das coisas que considera importantes dizer ao se apresentar. As primeiras coisas que são importantes que a sua psicóloga saiba são:


1- Qual a sua demanda, ou seja, o que te levou a procurar atendimento. Conte se aconteceu algum fato que impactou você, o que está sentindo no momento, e como isso afetou sua vida.


2- Como é sua rotina: trabalho, estudo, família. Como é sua convivência com as pessoas? Sempre foi assim, ou mudou em algum momento da sua vida?


3- Se você já teve alguma experiência com a psicologia.


Sempre tente fazer seu relato com o máximo de detalhes possível, pensando sobre como você se sentiu e o que pensou na situação que está relatando. Não se preocupe se a sua fala estiver desorganizada, também não é preciso filtrar “bobagens” ou “exageros”. Apenas fale, pois o seu relato é a matéria prima para o trabalho do psicólogo. Você pode ficar tranquila pois na relação terapêutica não há julgamentos, o tempo é seu, e se você precisar recuar em algum assunto, você também poderá fazer.

Por último, gostaria de lembrar que, assim como qualquer prestador de serviços pode ser que você realmente faça tudo isso, e não se sinta a vontade na sessão. Pode não gostar da abordagem, não simpatizar com a pessoa, não se sentir segura. Neste caso, cabe avaliar com sinceridade se o incômodo é uma desculpa para evitar entrar em contato com suas dores ou se realmente é interessante tentar com outro profissional, mas não desista de cuidar de você! Há muitos bons profissionais disponíveis, e com certeza você encontrará alguém com quem consiga seguir em frente.


#vida #motivação #felicidade #metas #objetivos #planejar #projetodevida #saúdemental #procureumpsicólogo #façaterappia #psicologia #psicoterapia #psicóloga #atendimentopsicológico #psicoterapiaonline #psicologosonline #psicologas#terapiafazbem #saudeemocional #saudeebemestar #psicológico #terappia #terappiaonline


Fabiane Belarmino de Sousa


Psicóloga: CRP 14/063636


Contato: (35) 99727-1907


Instagram: @fabisuapsi


Meu perfil no Terappia: fabiane-belarmino-de-sousa



26 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo